Entretempos

Imagens diluídas em diferentes suportes

 -

Editado por Daigo Oliva, editor-adjunto do Núcleo de Imagem da Folha, o blog aborda os diferentes suportes da imagem, com ênfase sempre na fotografia.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Um dia com Miguel Rio Branco

Por DAIGO OLIVA

Ele tem essa fama de não se mostrar, não aparecer, não dar entrevistas. Muito menos receber alguém para expor seu trabalho.

Foi com todos esses poréns que fui convidada a visitar a casa de Miguel Rio Branco, em abril de 2012, pela Serafina, para me deleitar em seu acervo fotográfico.

Um dos maiores nomes da fotografia brasileira, dono de um belíssimo pavilhão em Inhotim, me recebeu em sua morada, meio sítio, meio chácara, meio a casa do Miguel no interior do Rio.

Era cedinho quando eu e a fotógrafa Candice Japiassu chegamos. Que paz!

Percorremos toda a casa e sentamos num espaço meio biblioteca, meio estúdio, meio lindo.

Você respira tranquilidade e mato por todos os lados.

Piso de cimento queimado vermelho gasto, pé direito alto, imagens por todos os lados, espelhos no chão e muitas árvores.

É a redoma de Miguel.

Conversa daqui, conversa de lá, um convite para tirar os sapatos e entrar em seu acervo. Pouca luz, slides e mais slides, cópias espalhadas e seus livros.

A ideia era editar um material exclusivo para a Serafina. Ali, eu e ele.

Resolvemos fazer sobre a mulher e a intimidade. Com total liberdade, pude transitar por todas suas imagens. Tira põe, tira põe. Mexe em negativos, contatos, cópias “mal ampliadas”.

E vááááááários exemplares de todos aqueles livros desejados do Miguel, muitos deles esgotados.

Até tentei jogar um charme, mas foi impossível. Sua hospitalidade não continuava a mesma quando o assunto eram seus livros. Uma pena, mas… Negócio é negócio.

No estúdio, apenas com a luz do computador iluminando, passamos boas horas mexendo e remexendo em diagramações, aumentando e diminuindo imagens…

Conversas sobre a família e risadas espontâneas desmistificaram a imagem sisuda construída em cima desse nomão.

Saí de lá com um dvd e as imagens em alta.

Um sonho?! Não, pura realidade e o controle por não parecer a fã louca.

Mas não tinha como não sair com um sorriso de ponta a ponta depois desse dia.

As lindas fotos deste post são de Candice Japiassu.

_ _

Curta o Entretempos no Facebook clicando aqui.

Blogs da Folha