‘Caixa de Sapato’, de Cia de Foto

Por DAIGO OLIVA
Fotos: Zanone Fraissat/Folhapress

‘Caixa de Sapato’, de Cia de Foto (autopublicado) – Há um ano, escrevi uma reportagem sobre a terceira edição do encontro de coletivos ibero-americanos, sediado em Santos. Naquela vez, iniciei o texto dizendo: “Quase um ano após o fim da Cia de Foto, coletivo que rejuvenesceu a fotografia brasileira nas últimas décadas, o modelo de trabalho em conjunto continua em alta”. Rafael Jacinto, membro do extinto grupo, ao ler a publicação, disse-me: “Se ainda falam da Cia é porque não surgiu nada de novo”. Mesmo que a fala fosse em tom de brincadeira, e o próprio encontro provasse que há muitos outros fotógrafos produzindo bons trabalhos em parcerias, é inegável que o impacto produzido pela Cia ainda ressoa no Brasil. Nesta obra publicada postumamente, o coletivo de João Kehl, Pio Figueiroa, Carol Lopes e Rafael Jacinto reúne fotos realizadas durante os dez anos de existência do grupo. São quatro cadernos editados a partir de cores: enquanto um deles é dominado pelo vermelho, em outro é o azul quem funciona como elo de ligação. Ao mesmo tempo em que é irônico que um trabalho feito desde o começo do grupo seja lançado após o seu término, também é possível enxergar a obra como o melhor epitáfio possível, porque “Caixa de Sapato” junta os elementos que fizeram da Cia algo diferente na fotografia brasileira. Há a narrativa cinematográfica, o tema da vida íntima –explorada de forma banalizada desde então– e o pesado pós-tratamento nas imagens. Lembrou do Instagram? É curioso que, embora o coletivo tenha mantido uma postura muito firme sobre a inutilidade da marca do autor –e por isso todos os trabalhos eram assinados apenas como Cia de Foto–, a publicação final seja dividida em quatro partes, mesmo número dos membros do grupo. Além da caixa de papel que guarda os cadernos, os livretos têm bons textos escritos por Adelaide Ivánova, Guab, Mariana Lacerda e Antonio Kehl.

Avaliação: muito bom 

Haikai: em críticas curtas, o blog comenta fotolivros lançados neste ano.

Curta o Entretempos no Facebook clicando aqui.