Adam Broomberg e Oliver Chanarin virão ao Brasil para o Fórum Latino-americano de Fotografia

Por DAIGO OLIVA

Holy visit – Os artistas Adam Broomberg e Oliver Chanarin virão ao Brasil, em junho, para participar do Fórum Latino-americano de Fotografia. Autores dos já clássicos fotolivros “Holy Bible” e “Chicago”, eles farão uma oficina durante o evento, mas ainda não têm os detalhes da atividade. Chanarin, que neste momento está em férias na Bahia, confirmou a participação por e-mail. A dupla vencedora do importante prêmio Deutsche Börse em 2013 é o principal destaque do fórum que já trouxe Martin Parr, Alec Soth, Marcelo Brodsky e Ramón Reverté ao Brasil.

Mais vendidos – A revista e loja on-line britânica “PhotoBook Store”, dirigida pelo fotógrafo Martin Amis, publicou uma lista com os fotolivros mais vendidos em 2015. O campeão é “Khrystyna’s World”, de Todd Hido, seguido por “The Black Rose, de Trent Park, “Songbook” e “Gathered Leaves”, ambos de Alec Soth, e “Norilsk”, de Alexander Gronsky. Enquanto uma cópia da primeira edição da obra de Hiddo custa, no site da loja, 100 libras (cerca de R$ 590), um exemplar da segunda edição sai por 60 libras (cerca de R$ 354). Segundo Amis, cada um dos livros citados venderam entre 50 e 100 cópias, o que dá uma boa medida de quão pequeno é o universo consumidor de fotolivros. Não é nada fácil. Para ver a lista completa é só clicar aqui.

Mais celebrados – Já o site nova-iorquino “Haf” –sigla para Humble Arts Foundation– fez um interessante levantamento a partir de 42 listas de melhores fotolivros do ano passado. Entre os escolhidos de “New York Times”, “Time”, “Guardian”, Jörg Colberg, Colin Pantall e muitos outros, qual é a obra mais citada? “Songbook”, de Alec Soth, presente em 11 listas. Depois vêm “Until Death Do Us Part”, de Thomas Savin”, “Deadline”, de Will Steacy, “Imperial Courts”, de Dana Lixenberg, e “Moises”, de Mariela Sancari. Para ver a lista completa é só clicar aqui.

***

Curta o Entretempos no Facebook clicando aqui.