Sábado oferece 11ª edição da feira Tijuana, debate da mostra de Tuca Vieira e abertura de 2 exposições

Por DAIGO OLIVA

Tijuana – A 11ª edição da Feira Tijuana ocorre neste sábado (3) e domingo (4), na Casa do Povo (r. Três Rios, 252, Bom Retiro), região central de São Paulo. O evento, que reúne microeditoras e artistas, trará neste ano 95 expositores de oito países. Além da feira, que acontece entre 12h e 19h, a Tijuana também promoverá programação de mesas para discutir, por exemplo, como gerar novos canais de divulgação para obras artísticas (sáb., às 15h) ou como o “modelo digital afeta a produção editorial contemporânea” (dom., às 15h). Às 17h30, no domingo, Amir Brito lança “O Livro de Artista e a Enciclopédia Visual”, publicado pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais).

Atlas – Também neste sábado, às 11h, o fotógrafo Tuca Vieira promove debate sobre a exposição “Atlas Fotográfico”, em cartaz até 16/10 na Casa da Imagem (r. Roberto Simonsen, 136 B, tel. 11-3106-5122), ao lado do professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP Guilherme Wisnik. Após a mesa, o artista fará uma visita guiada para explicar o trabalho, que tenta mapear São Paulo a partir de um guia de ruas, produzindo uma foto para cada página dupla da publicação.

Dupla – Wisnik, que também é colunista da Folha, faz parte de outra programação deste sábado (2). Ele é curador da exposição “Aterro”, de Caio Reisewitz, com obras realizadas no Aterro do Flamengo, no Rio, e que será inaugurada às 12h na galeria Luciana Brito (av. Nove de Julho, 5162, tel. 11-3842-0634). No mesmo horário, a galeria apresenta a mostra “Compreensões”, do esloveno Tobias Putrih, composta por duas instalações inspiradas pela arquitetura da casa onde está instalada a Luciana Brito, projeto modernista de Rino Levi. As exibições ficam em cartaz até 28/10.

***

Curta o Entretempos no Facebook clicando aqui.