‘ZZYZX’, de Gregory Halpern, é eleito livro do ano na 5ª edição do prêmio da Aperture e Paris Photo

Por DAIGO OLIVA

Em sua quinta edição, o Photobook Awards, prêmio promovido pela fundação Aperture junto à feira Paris Photo, elegeu “ZZYZX”, do norte-americano Gregory Halpern, como o melhor fotolivro de 2016. Na obra, o fotógrafo parte de um deserto a leste de Los Angeles e faz uma jornada para o oeste, terminando no Pacífico. Durante a trajetória, Halpern retrata pessoas, paisagens e objetos que encontra pelo caminho, evocando a tradição americana na fotografia e na literatura.

“Os ritmos da visão de Halpern encontram expressão aparentemente sem esforço, ainda que a sequência de imagens seja claramente consciente”, diz David Campany, que participou do júri deste ano. “O livro é sincero e honesto sem ser sentimental. Uma obra para rever muitas vezes.” Além do trabalho de Halpern, lançado pela editora britânica Mack, o fotolivro “An Other View of the Berlin Wall”, de Annett Gröschner e Arwed Messmer, recebeu menção honrosa do júri.

Na categoria destinada aos fotolivros de estreia, o vencedor foi o fotojornalista da lendária agência Magnum Michael Christopher Brown com “Libyan Sugar”. Brown é conhecido por ter sido um dos fotógrafos retratados na série de minidocumentários “Witness”, da HBO, ao lado de nomes como Véronique de Viguerie e Eros Hoagland. Com o prêmio, o autor do fotolivro sobre os episódios trágicos durante a guerra civil na Líbia em 2011 receberá 10 mil euros. A lista de vencedores é anunciada durante a realização da feira Paris Photo, que ocorre até o dia 13. Em 2015, o evento foi encurtado devido aos atentados terroristas do Estado Islâmico na capital francesa.

***

Curta o Entretempos no Facebook clicando aqui.