Arquivo - Categoria: Haikai

Produção gráfica competente garante êxito da proposta de Elaine Pessoa no fotolivro ‘Nimbus’

‘Nimbus’, de Elaine Pessoa – Entre as muitas razões que impulsionaram a volta dos fotolivros neste período dominado por formatos digitais está a necessidade de manuseá-los. Ainda que boas iniciativas como o site espanhol Have a Nice Book satisfaçam a curiosidade de quem vive longe dos grandes centros produtores de fotolivros, ver uma publicação por meio de uma tela não entrega(…)

Imagens instigantes e bom projeto gráfico perdem para sensação de déjà-vu no fotolivro ‘Sunyata’

‘Sunyata’, de Rafael Roncato – Grande parte do ano que passou parece ter sido, ao menos para quem publica fotolivros no país, um período mais calmo. Após diversos lançamentos excelentes em 2014 e 2015, veio o silêncio para produzir novas imagens e novos trabalhos. O ritmo foi retomado nos últimos meses de 2016, quando a Ubu fez sua estreia na fotografia com(…)

Abandono do projeto modernista ganha vida em narrativa engenhosa de Jonathas de Andrade

‘Ressaca Tropical’, de Jonathas de Andrade – Em outubro, participei de uma das mesas do festival Valongo, em Santos, na qual estavam a professora holandesa Corinne Noordenbos e o historiador espanhol Horacio Fernández. A última pergunta do debate, que foi batizado “Fotolivros para uma Ilha Deserta”, era justamente quais fotolivros ambos os convidados levariam a uma ilha(…)

Reconhecer que filhos têm faceta erótica é trunfo do fotolivro ‘Tenko’, de Hanayo e Hajime Sawatari

‘Tenko’, de Hanayo e Hajime Sawatari – É muito comum, quando adolescente, ter repulsa à ideia de imaginar os próprios pais transando. Quando amadurecemos, porém, a relação se inverte, e a dificuldade passa a ser a de enxergar a sexualidade dos próprios filhos –jovens, cheios de energia e colágeno. “Tenko”, dos japoneses Hanayo e Hajime Sawatari, arrebata ao apresentar uma(…)

‘Ponte Dourada sobre Rio Noturno’, fotolivro de Ilana Lichtenstein, constrói sutil jogo da memória

‘Ponte Dourada sobre Rio Noturno’, de Ilana Lichtenstein – A vocação da fotografia para conservar memórias vem passando por uma mudança drástica. Hoje, parece-me mais importante ter a certeza de que passagens da vida estão sendo documentadas do que a contemplação dessas lembranças. Mais: o alívio de ter os registros disponíveis a qualquer momento produziu um efeito contraditório, banalizando a construção de memorabilias. Possuir(…)

‘Untourist’ mostra que fotos, assim como pessoas, só se completam quando estão ao lado de outras

‘Untourist’, de André Matarazzo e Guilherme Abuchahla – Mesmo sem querer, o tino comercial do publicitário André Matarazzo, autor de “Untourist” ao lado do biólogo Guilherme Abuchahla, manifesta-se. Na capa do fotolivro que reúne imagens de quatro viagens do casal ao Japão, uma pessoa veste roupa inspirada no Pikachu, personagem de “Pokémon”. O lançamento da obra ocorre no mesmo momento em que(…)

Overdose de subjetividade oculta boa história de ‘Topographies du Mensonge’, de Sue-Elie Andrade

‘Topographies du Mensonge’, de Sue-Elie Andrade-Dé – O estranhamento começa no título, em francês. Mas, logo em seguida, vem um texto introdutório em português. Antes que alguém acuse a autora de “Topographies du Mensonge” de ser pedante, é preciso esclarecer que Sue-Elie Andrade Dé é franco-portuguesa. E, neste caso, as palavras são cruciais para entender a obra lançada em(…)

Concepção gráfica coerente é ponto alto de ‘Hart’, fotolivro de Laura Del Rey e Alziro Barbosa

‘Hart’, de Laura Del Rey e Alziro Barbosa – Se alguém que não está muito familiarizado com o universo dos fotolivros me perguntasse como se faz um livro de fotografia, eu certamente incluiria na resposta o vídeo no qual Laura Del Rey explica a produção de “Hart”. A fala da brasileira que foi a Madri estudar produção de fotolivros na escola Blankpaper é(…)

Fotolivro ‘BR Motels’ foge do óbvio ao mostrar que é possível falar de sexo sem apelar para o corpo

‘BR Motels’, de Alexandre Furcolin Filho e Jazzie Moyssiadis – Fotografar já não parece mais a função primordial de um fotógrafo que quer compreender seus próprios trabalhos. Separar grupos de imagens, entender como elas se relacionam entre si e de que maneira podem criar uma narrativa sempre foram chaves para conceber fotolivros, mas a percepção de que editar é tão ou mais importante(…)

Relação apaixonada com a música guia edição de altos e baixos em ‘Cold Hot’, de Sergio Poroger

‘Cold Hot’, de Sergio Poroger (Alfaiatar) – Quando algo é realizado com envolvimento genuíno, percebe-se logo de cara. “Cold Hot”, livro de Sergio Poroger, exala essa relação apaixonada com o assunto que aborda. Nesse caso, trata-se de uma viagem de 17 dias e 3.000 km pela rota 61, nos Estados Unidos, conhecida como “a estrada do blues”,(…)